Imprensa

Início
exposições em bh

7 dicas para organizar Exposições em BH

Quando o assunto é organização de eventos de grande porte, como as exposições, as primeiras preocupações são sobre como devemos proceder e as principais providências que devem ser tomadas.

Eventos desse tipo são excelentes oportunidades para o fechamento de bons negócios, networking, lançamentos de produtos e serviços etc. Por isso mesmo requer um planejamento detalhado.

Mas como planejar, organizar e executar esse tipo de evento?

Continue a leitura, vamos dar algumas dicas e ajudar você a encontrar as melhores soluções nessa área.

Boa leitura!

Tipos de exposições em BH

A cidade de Belo Horizonte é muito conhecida por realizar grandes eventos tanto para os mineiros como para organizadores de todos os estados do país.

Além da hospitalidade do povo de Minas, a capital conta com infraestrutura ideal para a realização de todos os tipos de eventos, em qualquer época do ano.

Leia também Gastronomia, cultura e botecos: entenda porque fazer o seu evento em BH.

As exposições têm a finalidade de reunir expositores e participantes para venda ou apresentação de produtos e serviços. Muitas vezes, os parques de exposições são utilizados para a realização de leilões e a comercialização de animais, como gado e cavalos.

Temático

Feiras e exposições temáticas se referem a um tipo de segmento, como o de artesanato ou gastronomia, por exemplo. Nestes casos, são expostos produtos e serviços específicos e que estejam relacionados com o tema.

Além disso, apresentam a realidade extraída da temática para contextualizar a história, a apresentação e os significados do tema trabalhado.

Geralmente, as exposições envolvem logística pesada, por isso, é importante que a infraestrutura do local seja adequada, sobretudo para carga e descarga.

Comemorativo

Sabe quando queremos expor para todo mundo um feito de um personagem que gostamos muito? Pois então, esta seria uma exposição comemorativa. O objetivo é destacar a relevância de um protagonista de cunho cultural.

Obras, centenários, palestras, oficinas, cenários, estéticas e outros elementos como estes fazem a projeção ser mais real, criando um mundo cheio de informações e encantos em um só lugar.

Histórico

Este tipo de exposição traz um período histórico antigo. Contém aspectos importantes para levar o público a uma determinada época através do material de montagem, usando a criatividade para criar a aparência de stands, por exemplo.

Elementos como móveis, roupas, acessórios, cores e outros elementos são alguns dos detalhes importantes e que fazem toda a diferença ao organizar essas exposições. Esses detalhes devem analisados cuidadosamente, visando oferecer ao público uma experiência melhor e mais real.

Veja algumas dicas para não errar na hora de organizar uma exposição:

1. Defina os objetivos do evento

Para começar, que tal um planejamento? Ajuda muito a definir qual será o objetivo do evento. Cada ação necessita de uma boa estratégia.

Pense sobre o que é preciso para você, organizador, ou para a empresa contratante. Seja vender mais, prospectar novos clientes ou informar aos participantes sobre um novo negócio; o ideal é criar um espaço adequado para cada tipo de evento.

2. Foque no seu público-alvo

Entender o seu público e saber como ele se comporta é essencial para que a exposição traga bons resultados.

Se o espaço escolhido para o evento for pequeno ou desconfortável, por exemplo, poderá comprometer todo o restante das atividades. Lugares com pouca ou nenhuma ventilação também podem se tornar um problema em dias ou horários de temperaturas mais elevadas.

3. Planeje com antecedência

Organizar uma exposição envolve muitas etapas. Algumas delas dependem de terceiros, datas disponíveis, mão de obra especializada entre outros. Por isso, procure fazer um planejamento com, pelo menos, dez meses de antecedência.

Parece muito tempo, mas, no mundo dos eventos, esse prazo pode ficar apertado para algumas contratações. A agenda de muitos cantores, por exemplo, costuma ser fechada com doze meses de antecedência.

Verificar as especificações do espaço (dimensões internas e externas, painéis, objetos, iluminação, segurança e estacionamento) são pontos que devem ser considerados na hora de contratar o local da realização da exposição.

O planejamento realizado com antecedência permite que os ajustes sejam feitos caso aconteça algum imprevisto.

4. Escolha o melhor parque de exposições

Se engana quem pensa que uma exposição de animais requer pouca estrutura.

É exatamente por isso que, muitas vezes, vários fatores devem ser considerados na hora da escolha do local para o seu evento. Um parque de exposições, por exemplo, deve apresentar: boa infraestrutura, estacionamento, segurança, localização acessível, espaço adequado para permanência de animais etc.

5. Ofereça um diferencial para os visitantes

Lembre-se de oferecer um diferencial aos visitantes. Mais do mesmo não é atrativo, pois se torna cansativo e não gera engajamento por parte do público. Busque referências, faça benchmarking e visite outros eventos no mesmo segmento.

O mercado de eventos é dinâmico e está sempre se inovando. Não dá para esquecer todo o movimento híbrido causado pela pandemia da COVID-19, não é mesmo? Nunca imaginamos fazer eventos total ou parcialmente digitais.

6. Invista em uma boa divulgação

Temos um leque de opções quando o assunto é escolher um veículo de divulgação para investir, não é mesmo?

Tanto as mídias digitais quanto as off-line funcionam se forem usadas de forma correta. Utilizar esses meios de comunicação ajuda a atrair novos públicos de interesse, incluindo pessoas que não estão necessariamente no seu foco, mas tem potencial para serem seus clientes no futuro.

7. Promova ações pós-evento

Promover ações pós-evento é uma forma de gerar resultados mesmo depois de todos os esforços durante a exposição.

Focar no feedback, converter os participantes em seguidores nas redes sociais, atualizar páginas e sites e enviar e-mails marketing são algumas ações de relacionamento que podem ser facilmente adotadas.

Conclusão

Estamos voltando ao “novo normal”, aos poucos, após a fase aguda da pandemia da COVID-19.

Em Belo Horizonte, a retomada das atividades está sendo feita com cautela e segurança em muitos estabelecimentos públicos.

O Expominas BH está de portas abertas para receber o seu evento e ajudar você a fazer bons negócios nessa retomada.

Entre em contato conosco e conheça o Expominas BH. Temos um mundo de oportunidades para você.

Um abraço e até a próxima!